Factos estranhos do estranho Mundo em que vivemos

Terça-feira, 13 de Setembro de 2011

 

"A britânica Sara Eason encontrou um sapo vivo numa embalagem de salada, comprada num supermercado em Londres. 

Francis Guzman, comprou uma embalagem de salada para a sua mulher, Sara Eason, de 37 anos.

Ao notar que algumas folhas estavam mais viscosas, a britânica desconfiou e apanhou um susto quando viu um sapo vivo no meio das folhas, segundo o site brasileiro G1." in "Correio da Manhã"

 

sinto-me:
publicado por Lígia Laginha às 09:29

Segunda-feira, 12 de Setembro de 2011

 

"O norte-americano Michael Kevin Lallana, de 32 anos, foi condenado a pagar uma indemnização de 25 mil dólares (cerca de 20 mil euros) a uma colega de trabalho depois de ejacular em duas ocasiões na sua garrafa de água.

Michael trabalhava numa empresa de investimentos financeiros e seguros de Newport Beach (Califórnia) ao lado da vítima, apenas identificada como 'Tiffany G'.

Da primeira vez a mulher só se apercebeu depois de sentir um sabor diferente e de ver algo estranho na água.

Quatro meses depois, quando a vítima de 29 anos, se deparou com a mesma situação e o mesmo sabor, resolveu mandar analisar a água para saber do que se tratava.

As análises revelaram que a água estava contaminada com esperma - e o teste de ADN confirmou que pertencia a Michael. A vítima disse nunca ter tido problemas com o colega de trabalho.

O juiz ordenou que Michael pagasse uma indemnização de cerca de 20 mil euros à vítima por perda de salário, terapia e despesas médicas, e ao cumprimento de 180 dias de prisão.

O norte-americano admitiu ter ejaculado na garrafa de 'Tiffany G' porque era o mais próximo de sexo que conseguia ter com a colega." in "Correio da Manhã"

 

publicado por Lígia Laginha às 09:36

Quinta-feira, 11 de Agosto de 2011

 

"A francesa Nathalie Dahyou estava a comer um hambúrguer, quando descobriu que este tinha um dente humano. 

O insólito caso aconteceu no passado domingo na cidade de Angers, França. Nathalie disse ao jornal Ouest France: “ Eu senti algo rijo e quase me engasguei. Cuspi e era um dente, ainda com raiz”, que tinha dois centímetros e estava coberto de metal.

Romuald Brut, que comprou o hambúrguer no supermercado Carrefour, afirmou ao mesmo jornal que fará “testes de ADN em toda a família”, para provar que o dente não é deles.

A direcção do hipermercado vai investigar a origem da carne." in "Correio da Manhã"

 

publicado por Lígia Laginha às 07:21

Quarta-feira, 10 de Agosto de 2011

 

"Casie, uma jovem viúva de 26 anos, tornou-se viciada em comer as cinzas do falecido marido.

O marido faleceu há cerca de dois meses na sequência de um ataque asmático.

Segundo as suas declarações, prestadas num programa de televisão do canal americano TLC, a primeira vez que Casie provou as cinzas do falecido foi quando, acidentalmente, ao mudar as cinzas de uma caixa provisória para a urna actual, deixou cair um pouco nas mãos e não se quis limpar.

A partir daí, a jovem diz que não consegue parar "não consigo parar de meter o dedo na urna e lambê-lo depois".

Após a morte do marido, Casie, diz que não passa sem a presença das cinzas do defunto marido "eu levo o meu marido a todos os lugares," refere Casie." in "Correio da Manhã"

 

sinto-me:
publicado por Lígia Laginha às 08:16

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
16
17

21
24

26
27
28
29
30


Últ. comentários
lol!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!mas tb :S:S:S:S:S...
Nao me importava se ele entrasse no meu quarto ass...
Recuperar ursos bêbados deve ser bem mais fácil do...
Que chinezisse
Ao preço que está a gasolina por cá este remédio f...
Também pensei exactamente o mesmo Beijocas
Para além de persistente, nota-se que é sul-corean...
arquivos